Prefeitura realiza campanha de coleta de lixo eletrônico

20/04/2017 Fonte:Assessoria de Imprensa/PMAG

A Prefeitura de Arroio Grande, por intermédio da Secretaria Municipal de Agricultura Desenvolvimento Econômico e Meio Ambiente, estará realizando no dia 04 de maio, na Praça Central no período das 8hs às 17hs, uma campanha de recolhimento de material eletroeletrônico inservível (celulares, computadores, televisores, vídeo cassetes, vídeo games, máquinas fotográficas, etc.), o chamado lixo eletrônico, bem como a classe de "Linha Branca" que inclui itens como geladeiras, fogões, etc. Quem não tiver condições de levar seus resíduos até o ponto de coleta, poderá solicitar a coleta perante agendamento prévio junto a Secretaria de Agricultura ou pelo telefone 3262.5050, até o dia 28 de abril.

A preocupação da Prefeitura com o recolhimento deste tipo de lixo se deve principalmente ao seu potencial poluidor, já que estes equipamentos são fabricados com metais pesados altamente tóxicos, que em contato com o solo contaminam as águas subterrâneas e se queimados poluem o ar e podem causar doenças graves.

Após o término da campanha, todo o material recolhido será levado pela empresa NatuSomos "Lixo Eeletrônico" para sua sede na cidade de Horizantina/RS. A empresa NatuSomos é especializada na reciclagem de eletroeletrônicos e esta vindo a Arroio Grande através de uma parceria com o Executivo Municipal o que não implicará em gastos públicos.

De acordo com o prefeito Luis Henrique Pereira, esta é uma campanha inovadora que demonstra a seriedade com que a Prefeitura vem tratando a questão ambiental no município, principalmente porque os eletroeletrônicos se tornam rapidamente obsoletos com o constante avanço tecnológico do mundo moderno, de modo que estes materiais vão se acumulando em casas e escritórios, ou por estarem estragados, ou mesmo com a tecnologia ultrapassada, de modo que a destinação para uma empresa especializada em reciclagem é extremamente importante para evitar a contaminação dos recursos naturais com esse lixo altamente poluente.

Galeria da Notícia